Solteiras


image

Oi gente, hoje em dia está bem difícil assumir , está ou até mesmo ter e manter um relacionamento. Até porque as pessoas mudaram e os princípios estão mudando junto!  O que é certo ou errado depende já não são os mesmos de antes 😒!
Hoje em dia feio é ser : fiel , romântico, sincero , honesto, digno, trabalhador , não ir pra balada e não usar drogas , se uma menina descente, com carater e que se de o e respeto , isso hoje em dia é considerado feio e errado , enquanto isso , certas coisas são consideradas ”normais”e ”certas” , como : trair , se safado, se vagabunda , sair pegando geral, não ter valor , usar drogas e viver na putaria!.
Por esses motivos é difícil encontrar alguém que preste,  sabe aquele ditado : antes só do que mal acompanhada, pra mim é um lema , prefiro ta sozinha feliz do que está com um safado q me faça sofrer ! 
😘😘😘😘😘
Espero que gostem do post meninas !

Anúncios

Aprenda a lidar com sua própria companhia


            Tem dias que nos sentimos simplesmente só a esse imenso espaço chamado mundo. Como é natural do ser humano a se socializar, ficar só é o fim do mundo, não é mesmo? Nos meus 13, 15 anos odiava fazer qualquer coisa sozinha; até ir ao supermercado. Mas, com o tempo aprendi o quão saborosa é a nossa própria companhia. A música se tornou uma fiel companheira na rotina, ela que me leva aos meus profundos pensamentos. Aprendi que nascemos e morremos só, por isso não há razão pra ficar aflita com o fato de ficar sozinha. Aprendi a sair sozinha, a ir numa sala de cinema sozinha, a fazer novas amizades sozinha, a ir em bibliotecas pra folhear livros, aprendi sobretudo, a saborear minha própria companhia. Aprendi que sou melhor que qualquer companhia quando quero, aprendi a rir das minhas próprias bobeiras, aprendi a escutar minha própria alma, aprendi meus próprios defeitos e qualidades. Não estou dizendo pra fazer as “coisas” sozinha, mas é bom desfrutar um tempo só pra você. Porque quando aprende a lidar com a própria companhia o medo de ficar sozinha será quase escasso. Aprenda a gostar de si mesma, não há nada de errado nisso. E como diz nosso velho amigo Shakespeare:

“Começa aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que você mesmo pode ser.” Trecho retirado da obra Menestrel, disponível em: http://pensador.uol.com.br/textos_o_menestrel_william_shakespeare/

Até a próxima :)

Seja aberta a mudanças!


              A mudança é uma coisa constante , tão natural que a gente nem repara que está acontecendo. Pode parecer assustador de início, mas logo se torna algo incrivelmente fácil. Muitos dizem que a mudança leva a experiência e posteriormente a sabedoria. São elas que levam a sentir novas sensações e mostra que somos capazes de muitas coisas. Coisas que até então não acreditávamos. Lembro-me quando mudei de escola no ensino médio. Embora gostasse da minha antiga escola e dos meus amigos, a mudança era necessária para meu crescimento pessoal e acadêmico. No início deu aquele frio na barriga, a ansiedade tomava conta no meu primeiro dia na escola nova. Mas, com decorrer dos dias fui me acostumando com o novo ambiente e com pessoal de lá. Digamos que foi melhores anos escolares. Continuo tendo contato, ainda que poucas vezes, com os meus amigos e professores. Lá tive uma visão melhor do que eu queria como profissão. Enfim, as mudanças são necessários para o nosso crescimento pessoal. Sei que é muito difícil aceitar a mudança de cara, mas ela, como todas, são etapas que devemos passar. E se achar que a mudança vai melhorar sua vida, independente da situação porque não aceitá-la? Esteja aberta e verá como fará uma enorme diferença em sua vida.

Tem alguma experiência? Quer compartilhar? Sinta-se bem vinda. Um beijo e até o próximo post. :)

O carinha do outro lado da tela…


Oi gente, sei que não tenho postado aqui por motivos maiores…

Você já gostou de uma pessoa que mora no outro lado da tela do computador ou celular? E achou que isso era impossível?

                       Com o avanço da tecnologia, surgimento das redes sociais e programas interativos conversar com pessoas deixou de ser aquela “coisa” de face a face. Em questões de segundos a pessoa visualiza sua mensagem e a responde, sendo que com a carta por exemplo, levava dias e dias para ser visualizada e respondida. A pergunta é: Será que essas redes sociais aproximaram ou afastaram as pessoas? Com os fóruns e comunidades encontrar a pessoa amada se tornou algo muito mais fácil e comum, o medo de ser um psicopata e afins quase que escasso. E em ver tantos comentários e meninas conhecendo pessoas do outro lado da tela que resolvi escrever esse post e compartilhar minha experiência.

                    Dizem que quando somos jovens não temos medo de nada, vendo por um lado não deixa de ser verdade. Nós jovens, somos inconstantes, somos agitados e gostamos do novo; então sempre caçamos algo pra fazer em nossos momentos de tédio. E foi nesse intuito que redes sociais surgiram para que não nos sentíssemos sozinhos. É nesses momentos de tédio que comecei adicionar aplicativos no Orkut (na minha época a febre era Orkut ao invés do Facebook) e um deles era a “Caixa da Verdade” em que você elogiava a foto de outra pessoa. E nessas visitas constantes que acabei conhecendo o “Fulano” (Não gostaria de dizer seu verdadeiro nome) começamos a conversar e achei ele a minha alma gêmea!!!! Hahahahaha juro pra vocês, ele era um amorzinho hahahaha. Mas quando eu achava que estava tudo bem descubro que mora em outro estado, ain queria morrer! Hahahaha. Mas quem disse que isso virou um empecilho? Muito pelo contrário, cada vez mais me sentia cativada pelo seu jeito, a maneira como ele usava as palavras, pelos seus sonhos e através disso descobri que tínhamos muito em comum. E, além disso, senti que ele também estava empolgado com as nossas conversas diárias.

                   Depois de chat, bate-papo começamos com algo mais sério e aí começou a ter telefonemas frequentes e conversa em vídeo. Aos poucos fui conhecendo tudo sobre ele e vice-versa. Medo? Era uma palavra que não existia no meu vocabulário naquele momento. Fui me sentindo atraída por ele e sonhava com ele e nosso encontro. Mas, tinha um problema: Minha mãe. Era óbvio que ela nunca deixaria manter esse tipo de relacionamento e dito e feito! Na verdade, minha relação com a minha mãe era um tanto frustrante porque nunca conversávamos sobre namoros, homens e afins o que complicava tudo. Ele fez muitas promessas, e uma delas era vim até São Paulo para me conhecer. Dias, meses passavam eu sentia que ele não viria, mas nunca deixei de conversar com ele. Foi então que me surgiu uma ideia de ir até lá, e eu tinha 17 anos! E segundo consta as leis brasileiras somos de “menor” e nosso pais são responsáveis e quem disse que eu ligava pra isso? Fui planejando tudo escondido, só que eu falava pra ele que minha mãe sabia, meu erro claro. Até que um dia ele ligou pra mim e eu falei que não poderia ir porque minha mãe não tinha deixado, ele surpreso pediu pra falar com ela e aí que a bomba explodiu. Haha Os dois (minha mãe e ele) descobriram que estava fazendo as escondidas, ficaram super chateados comigo. Mas apesar disso não parei de falar com ele. Quando foi no dia 10 de agosto de 2013 ele finalmente veio até aqui. Foi uma alegria imensa! Mas tudo que é bom dura pouco e foi embora. Mas em setembro fui lá (Minha mãe sabendo, claro) e conheci toda família dele, foi o melhor final de semana da minha vida, me sentia realizada e amada. Mas, as preocupações me inundava e me torna ainda mais pensativa com as coisas. Quando voltei chorei tanto não queria de jeito nenhum ficar longe dele. Ele queria que morasse lá e tava arranjando tudo. Mas, não queria deixar minha família aqui em São Paulo e na época tinha conseguido tudo eu queria: Faculdade. E não fui, não tive coragem de deixar meu bem precioso minha mãe e irmã. E ele disse que não largaria seus pais, o que deu na mesma.

           Quando voltei, achei ele estranho, frio desconfiei porque ele não costumava ser assim. Até que na semana ele me ligou e disse que tinha se envolvido com outra pessoa e que estava com ela. Meu mundo desabou! Poxa, eu amava ele e fez isso comigo. Queria que o perdoasse, mas sinceramente não consegui! O que mais chateou foi as promessas que me fez, a coragem de vim até aqui que provava tudo que ele sentia por mim. Enfim, a nossa história terminou no telefonema que me fez. Sofri, chorei, não comia direito nossa foi um porre! E pior que se aproximava a semana de provas da faculdade não tinha cabeça nenhuma pra fazer. E nessa brincadeira foram quase 2 anos de conversas, abraços, beijos, mentiras e etc. O que eu quero que você leitora entenda, por mais que seja romântico não confie totalmente nele, se ele te ama deixe ele vim aqui, o meu desfecho não foi o dos melhores, mas, torço para que o seu seja. Tente se envolver próximo a você para se virem mais, pra conversar.

A mulher deve ou não deve ter atitude?


 Um dia desses assistindo televisão passa o comercial de que iria passar o filme “Todo gato vira-lata” com a Cléo Pires (Não sei se vocês assistiram) em que um professor de biologia ensina a Tati (A personagem de Cléo Pires) a reconquistar seu namorado. E durante o filme esse professor questionou de como nós seres humanos conquistamos alguém. E ele fala que é o homem quem deve ter atitude de se aproximar, quando ele disse isso fiquei pensando nisso por um bom tempo e me perguntei: “Será que não devemos ter atitude?” por que como sabemos ultimamente nós mulheres temos dominado o “mundo”. Quando tenho a raridade de sair pra algum lugar numa balada, muitos homens ainda xavecam ou solta umas cantadas super sem graça que em vez de atrair, faz questão de afastar. Mas também percebi que muitas mulheres têm se aproximado mais dos homens quando estão interessadas. E cheguei uma conclusão que concordo o fato da mulher ter atitude de conversar com o homem a qual está interessada. Assim dá pra avaliar se o carinha serve ou não serve pra conversar, porque ninguém merece cara sem assunto não é? Mas aí vem a questão, como fazer isso? Bom meninas há umas regras simples que acredito que dê certo:

1° Observação

É um truque infalível para achar aquele gato dos sonhos. Hahahaha Dê uma olhada rápida em todo ambiente e se seus olhos se concentrarem em um, olhe para ele como se só ELE  estivesse lá. 

2° Finja ser distraída

Finja que não está vendo ele, quando ele estiver dando uma olhada pro seu lado… BÃN! Olhe pra ele de volta e dê um sorrisinho. :)

3° Se a montanha não vem a mim, vamos até a montanha…

Caso ele não chegue nele, tenha atitude e chegue nele. “Oi meu nome é fulana, poderíamos conversar?” ou se não vai ficar mais próximo dele até que sinta sua presença. Atitude conta muito na hora da paquera. Não deixe de ter atitude às vezes você pode estar perdendo uma ótima oportunidade de conhecer alguém que poderá ser seu amigo ou até mesmo namorado! Quando sair tente, é uma ótima experiência, eu garanto!

Mas se o homem vim até você, ÓTIMO. Sinal de atitude por parte dele. E aproveite tudo que tem de bom na paquera. Não deixe de esbanjar sorrisos, pensamentos positivos, olhar sincero e aparência. Tem alguma experiência? Compartilhe! Beijo :)

Não sei qual curso fazer!


                         

 

                              Quando chegamos no ensino médio já nos deparamos com um desafio: Escolher o que fazer na faculdade.  Como escolher um curso? Primeiro, as matérias que você cursa no ensino médio além de ter conhecimento por um todo, vão auxiliá-lo a desenvolver suas competências e ver onde você se sai melhor. Por exemplo, eu Daniela sempre fui melhor em humanas e letras no que em exatas como física e química e foi isso que me auxiliou na minha escolha. Hoje estou no 2° ano de jornalismo e até então estou adorando o curso. “Ah, e se meus pais escolherem o curso e não for aquilo que quero como profissão?”  Deixe bem claro que não é o curso que pretende seguir. Assim estarão cientes das suas escolhas.

                              Mas sempre a dúvida persiste, não é? Então sugiro que participe das feiras em que as faculdades mostram seus cursos e a infraestrutura que oferecem, além do custo das mensalidades, plantão de dúvidas, descrição dos cursos e etc. E se caso gostar de algum em particular pode visitar a faculdade que oferece o curso e conhecer como são as aulas. Quando escolher a área verifique a grade curricular, ou seja, as aulas que terá na faculdade, assim, poderá ver se é ou não aquilo que escolheu. Claro que haverá aulas que normalmente não irá gostar, mas com esforço e dedicação poderá passá-los facilmente. No fim, a questão é visitar, conhecer e pesquisar aquilo que quer fazer. Outra dica é conversar com alguém já formado na área que pretende formar assim poderá perguntar como anda o mercado de trabalho, os salários (quem não quer ganhar bem? hahaha) e o ambiente melhor para trabalhar. Há um site bem legal e conhecido, acredito que já conhecem é o Guia do Estudante, é o melhor site para informar estudantes. Lá você encontra tudo que precisa saber sobre universidade, cursos, vestibular, matérias atuais, testes vocacionais e etc. E você que já escolheu o curso quer compartilhar?

Meninas pretendo escrever mais, a faculdade exige muito de você, quando fizerem verá. Hahahaha Enfim, espero que tenham gostado, beijos :)

Ele só queria sexo comigo


 

 

download

Ele sempre te fazia declarações de amor , te dizia que vcê era única na vida dele , ele te fazia 1001 promessas , ele era um verdadeiro príncipe não é mesmo ?
Só que o conto de fadas não acabou com o final feliz né ? porque vcê descobriu que esse príncipe não passava mesmo de um sapo ! Bom meninas isso é uma coisa bem comum , isso acontece porque estamos tão cegas ou até mesmo buscando preencher um vazio no peito que não nos damos conta do tipo de pessoa que a gente está se envolvendo :/ , então aqui vai algumas dicas .
 
 * Descobrir que ele só queria sexo comigo !
Se você está ficando com um garoto vá com calma , muita calma mesmo porque os garotos já são bem apresadinhos para certos tipos de coisas  .
 
 * Se vcê está ficando com um garoto a 2 semanas e a MÃO BOBA fica BOBA demais imponha limite ! , vcê não é um pedaço de carne   !
 
* Se vcê fica com menino pouco tempo e ele te manda aqueles sms picantes ou te chama pra ir a Moteis comece a desconfiar , porque tudo tem um tempo certo pra acontecer . 
 
* Se ele dér a intender que vcê tem que transar com ele pra provar seu sentimento !  fique bem atenta pois na verdade ele que está provando que só quer te usar  :/ 
 
 
* O que fazer ?
 
Bom meninas , vcês não são objetos , não são um pedaço de carne , não são algo descartável , então não se comportem como tál .
SE VALORIZE , SE AME , SE RESPEITE ! 
Beijos fofas *-*